Autoconhecimento e as inter-relações

Infere-se que o bom-humor esteja vinculado à autorrealização. Quem consegue manter esta característica, possui algumas vantagens com as pessoas. Desenvolvê-la também é possível. A ampliação do autoconhecimento tem a peculiar propiedade de nos mudar para melhor.

Contudo, é necessário vontade e disciplina para que ocorra esta mudança tão cobiçada por líderes e liderados. Todos os dias temos situações para resolver, muitas vezes, sob pressão. Assim, quem tem mais suportabilidade para não sucumbir emocionalmente, demonstra maior discernimento para tomar as decisões necessárias.

Publicado em Reflexões por Elisete Pagano. Marque Link Permanente.

Sobre Elisete Pagano

Pesquisadora, professional & self coach, analista comportamental, palestrante e consultora sênior em Liderança, Comportamento e Relações de Poder. Mestre em Educação - Unisinos; Professional & Self Coach - IBC; Especialista em Planejamento Estratégico de RH - UFRGS e Eng. da Qualidade - PUCRS; Especializanda em Filosofia Clínica - Instituto Packter; Especializanda em Psicologia Junguiana - FACIS/SP; Pós-graduada em Auditorias da Qualidade - PUCRS; Engª Química - PUCRS. Analista de Perfil Comportamental certificada pelo IBC. Exerceu função de Gerente de Desenvolvimento e de Processos em empresas de médio e grande porte, líderes de mercado. Atua em desenvolvimento comportamental de pessoas e organizações, com aperfeiçoamento de lideranças e autoconhecimento. Professora em cursos de extensão universitária. Sócia da Intelligentia Assessoria Empresarial.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

+ 82 = 83